quarta-feira, 15 de julho de 2015

Gostar de alguém


Qual é o problema em gostar de alguém? Bem, o problema é mesmo esse, gostar de alguém... A maneira como nos faz sentir a sua presença, como tentamos prender o seu sorriso e ter sempre em atenção o brilho do seu olhar. No verdadeiro amor, as borboletas não existem, o que existe são traças que espezinham o nosso estômago e a nossa garganta, que não aperta mas, fecha completamente, torna-se quase impossível respirar e se fosse realista garanto que um verdadeiro amor pode ser a causa de um ataque cardíaco.
Gostar é diferente de amar. Gostar não é fácil mas amar é perigoso. Amar é aprender a lidar com todas as sensações que tomaram proporções mais fortes e que se tornaram mais avassaladoras com o tempo, amar é aprender a dar partes de ti, é aceitar que a outra pessoa não vai corresponder a todos os teus desejos e vontades mas a pessoa Certa  vai saber corresponder a todas as tuas necessidades e dar-te o que realmente precisas, mesmo sem saberes. A pessoa que amas vai errar, não porque errar é humano, mas porque a melhor forma de aprendizagem e de crescimento é aprender com os erros; Perdoar também não é fácil, mas ao amares alguém torna-se mais simples entenderes o outro lado.
O amor é imprevisível desde o inicio, não há um único livro que te esclareça, já que este sentimento é "algo" que varia dependendo da pessoa e que conforme as nossas escolhas provoca as suas consequências.
Mas sabes o que é mais engraçado? É que o amor está presente desde o inicio da nossa vida, está lá quando a tua mãe te vê pela primeira vez, está lá quando o teu avô te dá algo que (na realidade) não podes comer, como uma pastilha! Continua lá quando te apaixonas pelas letras ou pelos números e não desaparece quando conheces um amigo que queres mesmo conservar, sabes, os amigos de infância, porque apesar de isso ser amizade, não deixa ser um tipo de amor, apenas é um amor diferente, como todos o são. Então porque é que só pensaste no amor no sentido mais geral, no sentido de paixão carnal vista nos filmes, lida nos livros, presente nos sonhos e nos desejos, mas diferente na vida real? Diz-me, não é mais fácil perdoares o teu melhor amigo quando ele erra e já o conheceres e saberes que ele fez aquilo sem te querer magoar? E quando a tua mãe age de cabeça quente e tu mentalmente lhe dizes coisas horríveis e logo a seguir te arrependes e ficas a sentir-se super mal? Isso não é amor? Se a tua resposta é não, aconselho-te a analisar o teu conhecimento sobre o assunto.
Não é por mal, a sério, mas não aches que sabes tudo sobre o amor, o amor é sufocante, o amor é viciante, é instável mas é capaz pôr uma vida de pernas para o ar, de dar um sentido diferente, de te fazer ver coisas nunca antes vistas, é fazer a pedra sensível e pintar uma nova cor no mundo impossível de definir corretamente.
Isso é amor e os mais felizes são os que amam com o coração todo sem se deixar influenciar pelo passado, correndo o risco do futuro.

- Adaptado de um texto que li no Facebook (parabéns à autora!)

terça-feira, 14 de julho de 2015

#22


"Três são os animais com que é dificílimo lidar: o mocho, a serpente e o povo."

sábado, 11 de julho de 2015

Camping :3

Hey guys :3
Sei que devia ter escrito este post antes do Special Post sobre a Lua, mas pronto, whatever...
Now... Sobre o acampamento. Aquilo foi perfeito! Foi pena o Z. não ter ido, mas à última hora ele teve um imprevisto e pronto era compreensível ele não ir. 
A primeira noite acabei por passa-la apenas com o A. admito que foi um pouco assustador, estávamos sozinhos, tínhamos muito pouca luz, o café já estava fechado... Resumindo, com o medo enfiamos-nos para dentro da tenda e não saímos mais de lá ahahah, bem estávamos lá tipo perfeitos a rir e tals quando reparo que está uma aranha ENORME no "teto" da tenda, resultado eu tenho insetofobia, o A. tem aracnofobia... Quem ia matá-la? Dei um berro gigante, acho que se estivesse a passar alguém ali perto ia pensar que eu estava a morrer (lol). 
Depois o segundo dia a amiga do A. chegou (era para ter ido também no primeiro dia, mas ficou sem carro :P), almoçamos, passamos o resto do dia na ribeira, entretanto o A. (antes de tomarmos banho) foi buscar uma roupa a casa da avó e eu juntamente com a amiga dele decidimos vingar-nos (pois o menino adorava atirar-nos com água quando nós as duas estávamos a entrar na água), escondemos-lhe a roupa toda!! Ele chegou tomámos banhos (blá blá blá) ele vai para se vestir, revoltou a tenda toda aahhahahah, mas nem se lembrou que podíamos ter sido nós as duas, no fim de para aí 15 min lá lhe devolvemos tudo... Foi o momento mais épico daqueles 3 dias! Chegou a noite, 3 "gatos pingados" outra vez sozinhos, estávamos nós muito bem na conversa quando começamos a ouvir passos (galhos a partir) eu e o A. ficámos todos borrados, a amiga dele disse logo que era um cão, mas nós 2 não acreditámos ("UM CÃO NÃO TEM TANTO PESO PARA PARTIR OS GALHOS DESTA MANEIRA!!" Ahahahah), achámos mais seguro ir para dentro da tenda (again). Conclusão?? Era um cão!! ahahah Concluímos isso na manhã seguinte quando vimos um a vaguear ali na zona.
Well, para concluir (que já devem de estar fartos de ler), estes foi o melhor fim de semana dos últimos tempos! Apesar das aranhas e isso, foi espetacular, pena termos sido tão poucos. :( But não interessa... Para o ano queremos voltar a repetir e esperamos que sejamos as 5 pessoas que eram para ser inicialmente. Ah! E lembrem-se, quando forem acampar, se ouvirem passos, provavelmente é um cão... Ahahahah
Kiss*

quarta-feira, 8 de julho de 2015

☽ The Moon ☾

Desde muito cedo que a lua me desperta um certo fascínio, amo pesquisar aquelas imagens lindíssimas do Tumblr, do We Heart It e tudo mais que tenha a ver com ela. Mas vou explicar um pouco melhor...


Para começar... O que diz o dicionário sobre a lua?

substantivo feminino
1. O único planeta satélite da Terra.
2. Tempo compreendido entre dois novilúnios.
3. [Por extensão]  Mês.
4. [Popular]  Cio.
5. [Ictiologia]  O mesmo que peixe-lua.
6. Disco de ouro ou prata que os Timores usam ao pescoço, como símbolo de heroicidade. (Quando se refere ao astro, escreve-se com inicial maiúscula: Lua.)

À quanto tempo descobriste este teu gosto pela Lua?


Não sei bem dizer ao certo, tenho a ideia que foi à cerca de 3 anos, talvez. Lembro-me que a primeira vez que fiquei fascinada com a Lua era noite de Lua Cheia, a sua beleza era incrível!

Ora, de entre as 4 fases da Lua, quarto-minguante, quarto-crescente, Lua nova e Lua cheia... Para ti, qual a fase mais bonita?



Sem dúvida que a fase mais perfeita é quando se encontra em Lua Cheia, como disse anteriormente, a sua beleza (nesta fase) é incrível, o seu brilho intenso é tão aliciante... Já alguma vez experimentaste fixar na Lua durante uma noite de Lua Cheia? É como se... Não sei explicar... Parece que ficamos hipnotizados. É a fase mais "romântica" da Lua.

Uma noite de Lua cheia vem sempre associada a Bruxas e Lobisomens... Acreditas ou achas que é puro mito?



Há tantas coisas inexplicáveis neste mundo que, por vezes, bruxas, demónios, lobisomens, sereias... Tudo isto poderá ou não ser real, óbvio que não vou dizer que acredito, mas como sempre ouvi dizer "Eu não acredito em bruxas... Mas que as há, há!"

Este teu fascínio poderá ter alguma coisa a ver com o teu signo?



Não acho que tenha! Nunca fui de acreditar em mapas astrais, de vez em quando se pego numa revista que lá tenha o horóscopo, admito ter curiosidade em ler o que diz no meu signo, mas não passa disso, não acredito e sinceramente não tenho muitas razões para acreditar...

Então... Qual é, afinal, o porquê desse teu fascínio?


Algum dia paraste à noite e miraste atentamente a Lua? A sua beleza, a sua "misteriosidade"... É tudo tão místico, tão secreto. Até hoje nunca consegui descobrir o porquê deste meu fascínio, a Lua transmite-te um mistério tão grande... Agora até me podes dizer "mas a física revela tanto sobre ela", pois é até pode revelar, mas não passam de factos científicos, sim, alguns são bastante interessantes, mas não é isso que está em causa, a questão não é essa, a questão é: Porquê tanta influência em tanta coisa? Já reparaste? O ciclo lunar influência o nascimento , o desenvolvimento das crianças, o humor de uma pessoa... Tanta coisa, mas com tanto por explicar... É esse mistério que, para além da sua beleza, me fascina tanto.


Mistérios, segredos? A Lua é um simples astro.



Um simples astro não. A Lua é um astro bastante especial, só a imensidade de coisas nas quais a Lua exerce tal influência para as quais não há (ainda) explicação.