sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Mais Testes...

Olá, e antes de mais nada FELIZ HALLOWEEN!! :D 
Ora bem, hoje nada me podia estragar o dia, estou super feliz vi finalmente o meu esforço ser (minimamente) compensado :) 
Esta semana recebi os testes todos, como sabem o único que me deixou desanimada foi o de Biologia (porque tirei nega :s), agora o resto fiquei super hiper mega feliz, pela primeira vez, desde que estou no secundário, consegui tirar positiva no teste de Matemática (yeyyy) eu nem queria acreditar, apesar de ter sido "só" 11 (bem eu digo "só" mas isto para mim é mesmo muito bom, nunca consegui tirar nem sequer um 8, quanto mais), recebi também o meu teste de Fisica, tive 14 (duplo yeyyy), no ano passado a nota mais alta que consegui ter foi 9, este ano começo logo com 14 nada me podia deixar mais feliz!!!! (Estes foram os que recebi hoje) Na terça recebi o teste de Português, fiquei fula com o stor porque a minha soma dava 126 (que é 13) e ele queria deixar a minha nota nos 124 (12, parecendo que não estes 2 pontos fazem muita diferença), mas no fim de muito esforço, e de ter falado com ele outra vez na aula de ontem lá consegui com que ele me alterasse a nota (consegui 13, afinal era o que estava escrito :P), também fiquei contente, no ano passado não conseguia sair do 9. Ontem foi dia de entrega do teste de Inglês  TIREI 15 (OMG 15 dá para acreditar?), desde do 10º que as minhas notas a Inglês rondavam o 11/12, finally consegui, apesar do teste me ter corrido mal I did it!!!
Agora falta o teste prático de Biologia, um relatório a Fisica (I guess, a stora não deu certezas se faziamos relatório ou uma mini ficha sobre alguma A.L) e as apresentações de Inglês e Português, vamos lá ver como isto tudo corre, a Biologia tenho que tirar alta nota para ver se me "ajuda" a nota do teste (ok I know isto não soa bem, mas não tenho outra maneira de dizer). Bem falta-me isto e a segunda rodada de testes que começa na ultima semana de Novembro, apesar das minhas notas nestes terem sido razoáveis, ainda não chega, mas também não vou colocar tanta pressão em cima de mim, já cheguei á conclusão de que isso não me faz bem, vou mas é continuar a dar o meu melhor e tentar tirar cada vez mais. :)
Thanks a quem leu*

HAPPY HALLOWEEN! :D*


segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Testes...

Olá a todos! :) 
Infelizmente estive algum tempo sem vir ao blog, mas não foi por não querer! Testes, MUITOS testes... Enfim, a primeira remeça já lá vai, fiz hoje o meu último teste, aquele que alguns consideramos o "terror" da escola, o teste de Matemática (lolix*), até que não me correu nada mal, fiquei contente, foi o teste desta disciplina que melhor me correu desde que estou no secundário e estou esperançosa que seja desta que (FINALMENTE) tenho uma positiva a Matemática A. 
Já para estragar a festa hoje foi o dia em que recebi o meu teste de Biologia, sinceramente não estava á espera de boa nota, apesar de ter estudado tudo o que podia, ter dado o meu melhor, eu estava super nervosa e isso acabou por me fazer bloquear na hora H, o correu-me muito mal, mas também não espera ter negativa, fiquei de rastos, tentei permanecer calma mas não consegui, saí da sala de repente a chorar, não sei o que me deu nunca na vida fiz uma cena destas, a B. veio atrás mim e fico-lhe agradecida por isso pois ela ajudou-me a acalmar-me (mas isso é outra história), afinal estou a repetir o 11º ano para melhorar as notas e não para as manter não é? Mas whatever já passou e agora é levantar a cabeça e lutar para que no próximo teste tire o máximo!
Com isto tudo estamos quase no Halloween e ainda nem sei o que vou fazer, logo se vê... :)*
KissKiss*

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Melhores Amigos: Z. e A.

Olá!
Hoje venho-vos falar de uma cena que por vezes é dada como impossível. Amizade entre rapaz e rapariga! Bem no fim de tudo até eu me surpreendo, depois de todos os meus problemas e de todas as inseguranças ao pé de rapazes, os meus dois melhores amigos, são nada mais nada menos, ambos do sexo oposto (rapazes). Até eu me surpreendo, ás vezes, mas a verdade é que amizades são se escolhem (propriamente)... E se querem que vos diga não me arrependo nada dos amigos que tenho, especialmente dos melhores! Confio plenamente em ambos e quando precisei eles estiveram lá sempre. E se querem que vos diga, prefiro ter dois melhores amigos (rapazes), do que uma "melhor amiga" que quando não precisa mais de mim me apunhala pelas costas.
Tanto com o Z. como com o A., é óbvio que já tivemos as nossas zangas, mas sempre que precisei apoiaram-me, ambos já fizeram tanto por mim que não há atitudes ou palavras suficientes para lhes agradecer. Aquilo que sou hoje, a pessoa em quem me tornei, e que me orgulho por ser como sou, devo-o em grande parte a eles, se não fossem as palavras deles, algumas mais "brutas" que outras, se calhar hoje ainda estaria com os mesmos problemas e auto-estima e tudo mais. E digo ainda mais, aconteça o que acontecer nunca os vou querer perder e muito menos esquecer!
Whatever, tudo isto, apenas para dizer, àqueles que por vezes dizem ser impossível que, amizade entre rapaz e rapariga é possível sim! E muitas vezes essa mesma amizade torna-se mais "forte" que muitas outras.

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Rita Guerra - No Meu Canto

Sim, é uma música assim melancólica, mas a melodia encanta-me tanto..... Simplesmente amo esta música... Aliás dos artistas portugueses (cantores) admito que Rita Guerra é aquela que mais admiro e que mais gosto, 
As letras das músicas dela, é como se, you know.... É como se fossem escritas para mim, identifico-me tanto com algumas. Não quero saber o que possam dizer, eu acho-a perfeita, á Rita e ás músicas dela.
Então esta música acho-a apaixonante!!!

sábado, 4 de outubro de 2014

Oh Amor...

Amor, Pediram-me que te definisse, que te explicasse, que te resumisse. Como se isso fosse possível! Estaria a diminuir-te, a atenuar-te, a abreviar quem és e quem és para mim. Não que para mim sejas diferente do que és para o mundo, eu é que contigo sou melhor. Aí sim é que  reside a diferença. Pediram-me que te definisse, que te esmiuçasse, que te expusesse. Se eu sou tu e se tu somos nós, como poderia eu expor-nos dessa maneira? Estaria a cortar-te pedaços, a desprezar-te os braços, seria o maior dos embaraços. Oh amor, como te posso definir se és tu quem me defines? Se és tu que me constróis e embalas, se és tu que me aumentas - as saudades - quando estás ausente e me diminuis em todas as tuas presenças de tão grandioso que és? Oh amor pediram-me que te definisse, que te explicasse, que te resumisse quando eu própria me resumo a ti, sem explicação ou definição senão aquela que exerces em mim. Oh amor…!